Data de início: 05/11/2025

Data final: 17/11/2025

Destino: Africa do Sul - Cidade do Cabo / Pretoria

Viagem de golfe

05.11. – 17.11.2025 / Rovos Rail Africa Golf Collage / Cidade de Cabo –

Pretória

Check-in no trem Rovos Rail em Pretória ou Cidade do Cabo na África do Sul

Saindo de Cidade do Cabo, o roteiro passa por Fancourt, Porto Elizabeth, Durban, Parque Nacional Kruger e termina em Pretória.

São 3.700 km percorridos em um roteiro perfeito para conhecer a diversidade da África do Sul; começando no centro do país e terminando no litoral, na bela Cidade do Cabo, onde vale a pena estender a viagem.

Nos 11 dias teremos 7 campos de alto nível, vários passeios, safaris, hospedagem no Fancourt Resort, além da gastronomia e o serviço de alta qualidade Rovos Rail. Todas as partidas de golfe, passeios, serviços e refeições descritas no roteiro estão inclusas no preço do pacote. 

Os não golfistas, durante o horário do golfe vivenciam as melhores atrações de cada região; como Safári no Kruger Park, City tour em Durban, visita às Grutas do Cango, passeio de barco na lagoa Knysna, entre outros.

E se você não quiser jogar golfe com tanta frequência, também pode trocar por um passeio para não-golfistas em vez de um dia de golfe. Conheça o roteiro completo e todos os campos no programa abaixo.

O logotipo da Rovos Rail na África do Sul

Programa

05.11.2025 / Dia 1 – Saida de Cidade de Cabo

  • 09:30h Partida da Estação Ferroviária de Rovos, Cidade de Cabo. Os hóspedes podem se refrescar em suas suítes antes de se juntar a outros viajantes no vagão lounge e no vagão de observação.
  • 13:00h O almoço é servido nos vagões-restaurante durante a passagem pelas espetaculares cadeias de montanhas e pelas pitorescas vinícolas do Cabo Ocidental
  • 16:30h Chá no vagão-salão e vagão-observação.
  • 19:30h O jantar é servido nos vagões-restaurante a caminho de Voorbaal. Dress code: Formal.

Hora de fazer uma pequena mala de viagem para a estadia no Fancourt Resort.

06.11.2025 / Dia 2 – Golfe no Fancourt / Knysna

  • 06:00 – Desfrute do café da manhã no vagão restaurante.
  • Golfista: Trasfer de (±15 min) até Fancourt; Tee off em Montagu ou Outeniqua e almoço.
  • Não golfista: Desembarque em George, passeio cenográfico de (±60 min) para Knysna. Passeio de balsa na lagoa Knysna e almoço.
  • Check in no Fancourt Hotel.
  • 18:30 Jantar no Resort  – Dress Code: Casual

Pela manhã o trem percorre a Garden Route, um estreito terraço costeiro situado entre as falésias costeiras profundas que se erguem abruptamente do mar e as montanhas a uma curta distância do interior – uma topologia que facilita chuvas fortes, daí o nome como sempre é exuberante e verde.

George e Knysna ficam entre as majestosas Montanhas Outeniqua ao norte e o Oceano Índico ao sul. As Knysna Heads – duas falésias de arenito que guardam a foz da lagoa que liga o estuário ao mar – é um ponto de vista dramático.

07.11.2025 / Dia 3 – Golfe no Fancourt / Oudtshoorn

  • 6:00 Café da manhã no Fancourt e check out.
  • Golfistas: 7:00 Tee off em Montagu/Outeniqua. Viagem cênica de (±60 min) para Oudtshoorn
  • Não Golfistas: Transfer (±60 min) para as cavernas Cango e visita na Fazenda de avestruz em Oudtshoorn.
  • 13:30 Almoço servido nos vagões restaurante
  • 16:30 Serviço de Chá nos vagões de observação e lounge
  • 19:30 Jantar servido durante o percurso para Porto Elizabeth. Dress code: Formal

 Esta região semidesértica está situada no sopé da majestosa cordilheira Swartberg, onde muitos rios, riachos e cachoeiras têm suas origens. A grande maravilha natural das Cavernas do Cango possui coloridas câmaras subterrâneas com formações calcárias de tirar o fôlego. Oudtshoorn é considerado o centro do Klein Karoo e é famoso por os grandes chapéus. O boom dos avestruzes no início do século 20 resultou em muitos milionários que, por sua vez, criaram estilos de vida elaborados nesta parte remota da África.

08.11.2025 / Dia 4 – Golfe no Humewood / Addo Elephant Park

  • 6:00 Café da manhã no vagão restaurante
  • Golfista: Traslado de 15min e Rodada de golfe no Humewood Golf Club, almoço no club house. As 15:30 aproveite o passeio panorâmico (±75 min) sobre a montanha Zuurbergaté Coerney para voltar ao trem.
  • Não golfista: 10:00 Tour Porto Elizabeth, as 12h30 o almoço é servido nos vagões restaurante e 14:30 Safári no Addo Elephant Park.
  • 19:30 O jantar é servido nos vagões-restaurante. Dress Code: Formal

Addo Elephant Park – A terceira maior reserva nacional da África do Sul. O parque abriga uma das populações de elefantes africanos mais densas do planeta – cerca de 600.

09.11.2025 / Dia 5 – Bloemfontein

  • 6:00 as 9:00 Café da manhã servido no trem
  • 12:00 almoço mais cedo é servido no Trem
  • Passeio por Bloemfontein, incluindo o Memorial da Mulher e o Museu da Guerra Anglo Boer.
  • 15:00 Partida do trem para Coerney. Atravessaremos o Karoo, um vasto e belo semideserto que se estende pelo grande planalto sul-africano desde a costa do Cabo, com cidades e vilas espalhadas. Atravessaremos a região seca do Sudeste com sua variedade de arbustos resistente, que desça a Grande escarpa em direção à costa.
  • Jantar servido durante o trajeto para Bethlehem. Dress code: Temáticos ou smart casual

Bloemfontein é a capital da Província do Estado Livre e também conhecida como Cidade Rosa. O Loch Logan Waterfront fica ao lado do recém-reformado estádio da cidade, que foi uma das sedes da Copa do Mundo de Futebol de 2010.

O Memorial da Mulher no Anglo Boer War Museum é um lembrete da vida nos campos de concentração e comemora as 27.000 mulheres e crianças que morreram nesses campos. O próprio Museu é uma representação gráfica das dificuldades enfrentadas por todos durante a guerra e relata a história da África do Sul desde 1652.

10.11.2025 / Dia 6 – Golden Gate National Park & Clarens

  • 6:00 Café da manhã no trem
  • 8:00 Traslado de (±75 min) para o Sandstone Heritage Trust, uma grande propriedade agrícola que abriga uma impressionante coleção de trens, tratores, ônibus, carros e veículos militares históricos.
  • 12:00 Traslado (±60 min) para a pequena e pitoresca cidade de Clarens, situada no sopé das montanhas Maluti. Aproveite o almoço (por conta própria).
  • 15:00 Faça um passeio pelo Parque Nacional Golden Gate Highlands. As características mais notáveis ​​do parque são os seus dourados penhascos e afloramentos de arenito de tons ocre e laranja, em especial a rocha Brandwag.
  • 18:00 Retorne ao trem em Harrismith e partida para Ladysmith.
  • 19:30 O jantar é servido nos vagões-restaurante. Dress code : Formal

As Montanhas Drakensberg foram nomeadas pelos Voortrekkers, que pensavam que a cadeia ininterrupta de montanhas com picos desgastados lembravam-lhes os espinhos nas costas de um dragão, daí o nome “Montanha do Dragão” ou Drakensberg em africâner.

11.11.2025 / Dia 7 – Golfe no Champagne Sports Resort / Spionkok Battlefields Tour

  • 7:00 Café da manhã servido no vagão restaurante
  • Golfista:Traslado de (±75min) e golfe no Champagne Sports Resort, almoço. Retorno ao trem (±45 min) em Estcourt as 16:15
  • Não Golfistas: Transfer (±30 min) para Spionkop Lodge para ouvir a Histórica batalha de Spionkop, seguido de almoço no Lodge. AS 14:00 relaxe no Lodge ou participe de um Safari nesta reserve de 11mil acres. Retorno ao trem e partida para Estcourt.
  • 19:30 jantar é servido no trem – dess code Formal.

A Batalha de SpioenKop foi um confronto militar entre as forças britânicas e duas repúblicas bôeres, a República da África do Sul e o Estado Livre de Orange. A Grã-Bretanha marchou para a guerra em 1899, confiante de que seria um rápido confronto. A guerra durou três anos e se tornaria a mais custosa que a Grã-Bretanha já lutou.

O trem passa pela cordilheira Drakensberg, a mais alta do país, ficando a 3.482 metros acima do nível do mar. Aproveite para apreciar uma das vistas mais incríveis que se possa imaginar.

12.11.2025 / Dia 8 – Golfe em Durban, Beachwood ou Zimbal / Durban City Tour

  • 6:00 café é servido no trem até a saída
  • Golfista:Rodada de golfe no Durban County club (±15 min) ou Beachwood (±15 min) ou Zimbali (±60 min), de acordo com a disponibilidade. Almoço no campo.
  • Não Golfista: city tour, com visita ao Jardim botânico e almoço a frente do mar em Umhlanga’s beachfront. Tarde Livre
  • 16:30 Serviço de chá no trem, quando o trem irá atravessar a costa do Oceano Indico.
  • 19:30 jantar é servido no trem – dess code Formal.

13.11.2025 / Dia 9 – Safari no parque Hluhluwe-Imfolozi

  • 5:00 Café da manhã continental é servido até a saída
  • 6:00 Traslado (30min) até o parque Hluhluwe para safari.
  • 12h00 servido no Trem, enquanto o trem viaja em direção á eSwatini. Formalidades de Fronteira.
  • 16:30 Serviço de chá no trem
  • 19:30 O jantar é servido no trem – dess code Formal.

Como a mais antiga reserva proclamada na África, Hluhluwe abrange 960 km² de topografia montanhosa no centro de Zululand e é conhecida por sua rica vida selvagem e esforços de conservação. É o único parque estatal em KwaZulu-Natal com todos os cinco grandes animais de caça

14.11.2025 / Dia 10 –  Golfe em Nkonyeni ou Royal Swazi / Mantenga Cultural Village

  • 6:30 Café da manhã é servido no trem até a saída
  • Golfista:Rodada de golfe em Nkonyeni GC (±75 min) ou Royal Swazi GC, almoço na club house e retorno ao trem.
  • Não golfista:Transfer (±90 min) para Swazi Candles e Mantenga Cultural Village com almoço.
  • 16:30 Serviço de chá no trem
  • 19:30 O jantar é servido no trem – dess code Formal.

O Reino de eSwatini cobre apenas 17 000 km2, a maioria montanhosa. Possui 2 capitais Mbabane é a capital administrativa e Lobamba é a capital real e legislativa. Em abril de 2018, a Suazilândia mudou seu nome para o Reino de eSwatini (que significa “lugar do Swazi”) e é uma monarquia absoluta. Não tem litoral e faz fronteira com a África do Sul e Moçambique.

No Swazi Candles, os convidados são convidados a interagir com os artesãos enquanto eles fazem velas, esculturas em madeira, tecidos coloridos e cestaria. O Mantenga Lodge está situado nas montanhas com vista para ‘Execution Rock’. A vila é um museu vivo de antigas tradições que representa um estilo de vida clássico da Swazi durante o século XIX.

15.11.2025 / Dia 11 – Golfe em Leopard Greek, White River or Mbombela / Safari Kruger Park

  • 05:00 café da manhã é servido no trem
  • Golfista: Rodada de golfe (Campo de golfe sujeito a disponibilidade de tee time – Leopard Greek (±15 min), White River (±75 min) ou Mbombela (±60 min )
  • Não golfista: Safari no Kruger Park com serviço de chá, almoço e oportunidade para compra de suvenires.
  • 16:30 Serviço de chá no trem. O trem viaja em direção da Drakensberg Mountains.
  • 19:30 O jantar é servido no trem – dess code Formal.

Parque Nacional Kruger foi inaugurado oficialmente em 1926, cobrindo uma área de aproximadamente 20 mil km2, chegando até a fronteira de Moçambique. Hoje, é um dos mais visitados da África do sul, local onde podem ser encontrados os “Big 5”: leões, leopardos, rinocerontes, elefantes e búfalos e muitos outros mamíferos e aves.

16.11.2025 / Dia 12 – Pretoria

Certifique-se de que a bagagem esteja pronta para ser recolhida 15 minutos antes da chegada e que você tenha seu passaporte.

  • Café da manhã servido nos vagões-restaurante até às 10:00h.
  • 13:00 Almoço servido nos vagões-restaurante.
  • 17:00 Chegada ao final da jornada na Estação da Pretoria

Certifique-se de que a bagagem esteja pronta para ser recolhida 15 minutos antes da chegada e que você tenha seu passaporte.


Nota – O trem esgota muito rápido, contate-nos previamente para checagem de disponibilidade. Programa sujeito a adaptações de horários e eventuais adaptações.


Outras datas de viagem para esta rota:

  • 18.10. – 30.10.2024 Pretoria – Cidade de Cabo
  • 01.11. – 12.11.2024 Cidade de Cabo – Pretoria (ESGOTADO)
  • 02.04. – 14.04.2025 Pretoria – Cidade de Cabo
  • 25.04. – 07.05.2025 Pretoria – Cidade de Cabo
  • 21.10. – 02.11.2025 Pretoria – Cidade de Cabo
  • 05.11. – 17.11.2025 Cidade de Cabo – Pretoria
  • Um trem de Rovos Rail na África do Sul
  • A estação de Rovos Rail Safaris na África do Sul
  • O trem Rovos Rail Safaris na África do Sul
  • Happy Hour Rovos Rail Safaris na África do Sul
  • A sala de jantar de Rovos Rail Safaris na África do Sul
  • o bar denro do trem de Rovos Rail Safaris na África do Sul
  • Um suíte de Rovos Rail Safaris na África do Sul
  • muitas experiências durante a viagem de trem Rovos Rail Safaris na África do Sul
  • Os montanhas durante de viagem de Rovos Rail Safaris na África do Sul
  • A vista atrás de Rovos Rail Safaris na África do Sul

Pacote - Rovos Rail Golf Africa Collage

  • 11 noites em cabine dupla compartilhada no Rovos Rail
  • Pensão completa no trem incluindo bebidas selecionadas
  • 7 rodadas de golfe incluindo carrinho e halfway house
  • Excursões privativas mencionadas no programa
  • Ingressos e taxas governamentais

INCLUI: Alojamento em cabine selecionada; todas as refeições e bebidas a bordo; serviço de quarto; excursões com guia qualificado (quando aplicável); ingressos de acordo com o itinerário; imposto; atividades de golfe (green fees, carrinhos, halfway house, chá/café e água engarrafada).

NÃO INCLUI: Outras bebidas fora do trem; espumante internacional; gorjetas; despesas pessoais; vistos; seguro de viagem; transferências pré e pós-tour, hospedagem extra e voos.

Download do programa e mais informações do Rovos Rail Golf African Collage
Solicite mais informações do ÁFRICA DO SUL – Rovos Rail Golf African Collage

O trem

A Rovos Rail é sininimo do máximo em luxo e alto nível de serviço e gastronomia. Cada trem tem vagões dormitório, vagões-restaurante (± 42 assentos), vagão-lounge (± 26 assentos), loja de presentes, sala para fumantes (± 11 assentos) e um vagão de observação (± 32 assentos) com uma sacada ao ar livre. Seguindo o espírito de uma época passada, não há rádios ou aparelhos de televisão a bordo.

Os três tipos de suítes disponíveis – Pullman (7m²), Deluxe (10m²) e Royal (16m²) – oferecem privacidade e conforto com cama de casal ou duas de solteiro e instalações de alto padrão. Todos têm suites com ducha, WC, lavatório e banheira (apenas Royal), utensílios para chá, cofre, ar condicionado, roupa de cama e amenidades e são atendidos diariamente. Conta com pequenos armários com cabides e prateleiras. Os vagões-dormitório foram reconstruídos com madeira e recondicionados ao estado de perfeição, oferecendo todo conforto moderno.

Pullmann Suite

O suite Pullman de rovos rail

As Suítes Pullman com 7 m² são equipadas com um confortável sofá-poltrona durante o dia que pode ser convertido em cama de casal ou duas camas individuais à noite e banheiro privativo.

Um cofre pessoal, frigobar abastecido com bebidas à sua escolha e serviço de quarto 24 horas por dia.

Deluxe Suites

Suite de Luxe de rovos rail em África do Sul

As suítes Deluxe medem 11 m² com camas de solteiro ou de casal e têm uma área de estar e banheiro privativo com ducha.

Todas as Suítes Deluxe possuem área de estar, cofre, banheiro privativo e frigobar abastecido com bebidas à escolha dos passageiros e serviço de quarto 24 horas por dia.

Campos de Golfe

Estão previstos 7 dias de golfe no roteiro.  Como são diferentes campos de golfe em algumas regiões/estações, dependendo da disponibilidade, o campo que será jogado só será anunciado em um prazo relativamente curto. Mas como todos são campos de golfe são de alto nível, isso não importa muito, cada campo é uma experiência em si.

Top 100 Golf Courses Africa Sul

Dia 02 / George

Fancourt – Outeniqua Golf

O Outeniqua course no Fancourt resort - Africa do Sul garden route

Também projetado por Gary Player e nomeado após as Montanhas Outeniqua, a area acomoda confortavelmente um grande campo de golfe.

O layout dos 18 buracos de Outeniqua (que significa ‘terra de leite e mel’) é mantido em um padrão muito alto, com uma série de fairways cercados por vilas de tijolos brancos e telhado de palha, adicionando personalidade e cor à área.

Dia 03 / George

Fancourt – Montagu Golf

O Maontagu course no Fancourt resort - Africa do Sul garden route

O Montagu Parkland de 18 buracos é o campo original do Fancourt ( o primeiro de um projeto original de 27 buracos) atualizado por David McLay Kidd em 2005 quando bunkers e greens foram redefinidos em todos os buracos, alguns recursos de água foram removidos e outros colocados em jogo.

Como os outros campos do Fancourt, o Montagu é mantido em um padrão muito alto e suas árvores e recursos hídricos acrescentam interesse e variedade à paisagem.

Dia 04 / Port Elizabeth

Humewood Golf Club

O Humewood Links course perto de Porto Elizabeth em Africa do Sul

O campo Humewood Links está classificado no 20º lugar entre os melhores campos de golfe da África do Sul. Aberto em outubro de 1931, o campo de golfe já sediou vários torneios importantes da África do Sul como o SA Amateur e o SA Open em 1934.

Situado nas dunas de areia nas margens da Baía de Algoa, este verdadeiro campo tipo links apresenta mata costeira densa, corcundas e depressões. Embora os fairways sejam largos e montanhosos para compensar os ventos fortes, a aspereza que os rodeia é implacável. Os buracos são simples, mas limpos, os greens de golfe são rápidos e firmes, os poucos bunkers estão bem posicionados com paredes duras e íngremes e não há obstáculos de água.

Dia 07 / Spionkop

Champagne Sports Resort

O champagne sports resort está localizado na bela área de Drakensberg

Localizado na bela área de Drakensberg, este é classificado como um dos layouts de golfe mais cenicamente memoráveis ​​da África do Sul. Desenhado por Hugh Baiocchi e Kevin Curren, combina com sucesso os atributos naturais do terreno e as exigências modernas de um campo de qualidade.

Ele ondula para cima e ao redor dos contornos de um vale que se aninha sob os picos de Champagne e Cathkin Peaks e incorpora vários buracos com tee shots às cegas. Profissionais e novatos irão apreciar os 84 bunkers que se alinham nos fairways e greens. A qualidade dos greens é atribuída a Trevor Livesey. Embora o drama das poderosas montanhas domine os olhos, o campo também oferece vistas suaves, onde as colinas mais baixas criam um caleidoscópio de cores com árvores, rios e represas para adicionar ainda mais desafios.

Dia 08 / Durban

Durban Country Club

O Durban Country CLub é um dos clubes de golfe mais antigos da África do Sul

Considerado um dos melhores layouts da África do Sul, jogar no Durban Country Club é uma experiência inesquecível. Tendo sido palco de dezessete Abertos da África do Sul, foi Construído por George Waterman e a golfista profissional Laurie Waters.

O Durban Country Club foi fundado em 1922 e tem uma história de orgulho. As dificuldades de construção foram enormes, pois toda a movimentação de terra teve que ser feita manualmente, dunas de areia gigantes foram aplainadas, grandes arbustos e árvores cortadas e carregados para longe.

Famosa por sua arquitetura clássica holandesa, vegetação exuberante, fairways ondulados, dunas de areia e um belo cenário com vista para o Oceano Índico, o clube tem sido sede de comemorações importantes.

ou

Durban Beachwood Country Club

O par 5 de Beachwood Golf Country Club em Durban

O layout costeiro de Beachwood ganhou prêmios por sua condição imaculada. Originalmente projetado por Sid & Jack Brews em 1930, sempre foi famoso por seus fairways estreitos e árvores nativas. Quando o Beachwood se fundiu com o Durban Country Club no final dos anos 1990, a equipe de design de Gary Player foi convidada a modernizá-lo e redesenhá-lo.

Em alguns dos buracos foram introduzir perigos adicionais. Os resultados são para serem apreciados jogando em um campo com bunkers de habilidade com greens excelentes. O terreno segue contornos ondulados seguindo vales naturais entre bancos de grama alta, exigindo tacadas de precisão e layups.

ou

Zimbali Country Club

O campo de golfe de Zimbali Coutry Club, designed by Tom Weiskopf

Uma propriedade de golfe verdadeiramente espetacular com panoramas de longo alcance das colinas ao redor, floresta e mar. O fundador da PGA África do Sul e campeão do British Open, Tom Weiskopf, manteve-se fiel ao seu estilo e projetou um campo que atende às necessidades de jogadores de todos os níveis.

O campo foi inaugurado em 1998 e se estabeleceu firmemente como um dos favoritos da área, possui uma característica peculiar, para não alterar muito a natureza e o ambiente, algumas saídas dos tees foram colocadas em posições um tanto difíceis.

Dia 10 / Eswatini

Eswatini Royal Swazi Spa Country Club

o Royal Swazi Spa Country Club ten um campo de golfe e cassino

Um dos mais belos campos de golfe da África da Sul. Inaugurado em 1966, foi construido nas encostas da Cordilheira do Lebombo, que se curva suavemente para baixo no vale. Os primeiros nove buracos são comparativamente nivelados, mas os ultimos exploram totalmente o terreno montanhoso. Recursos desafiadores incluem lagos, ravinas densas de vegetação, aglomerados de árvores magníficas e plantas indígenas e bunkers estrategicamente localizados – um é tão íngreme que requer degraus para facilitar o acesso.

Conta com um putting green ao lado do Royal Swazi Club House, onde tacos e outros equipamentos estão disponíveis para aluguel.

ou

Nkonyeni Residential Golf Estate

O Nkonyeni Lodge & Golf resident condominio

O campo de golfe Nkonyeni foi projetado por Phil Jacobs, que foi anteriormente associado ao Gary Player Group. Phil é conhecido por seus excelentes designs de campo, incluindo; Leopard Creek, The Links at Fancourt e The Lost City.

Nkonyeni oferece um desafio emocionante e agradável para todos os jogadores de golfe, pois o buraco 18 oferece uma tacada única através do rio Great Usuthu até uma ilha no rio cercada por rochas magníficas. A bela sede do clube oferece vistas deslumbrantes do pôr do sol sobre o rio Great Usuthu.

Dia 11 /Kruger Park

Leopard Creek Golf Course

O Leopard Creek Golf Course está localizado no Kruger Park Africa do Sul

Delimitado ao norte e oeste pelo rio Crocodile e pelo Parque Nacional Kruger, o campo representa o melhor do Golfo Africano com savanas nativas ladeadas por fairways e greens intocados. Técnicas arquitetônicas e paisagísticas inovadoras garantem que a área seja naturalmente protegida da vida selvagem, enquanto lagos e pequenos riachos são desviados para criar vistas panorâmicas.

Os desafios assumem uma nova dimensão em Leopard Creek, pois grande parte da água abriga as magníficas criaturas que dão nome ao rio, os crocodilos.

ou

White River Golf Club

O campo do White River Golf & Country Club na África do Sul

Adaptado naturalmente ao fundo do vale sobre o qual se encontra, White River fica aos pés de várias reservas naturais privadas. A beleza do campo é tamanha que os buracos 7 e 11 foram comparados a jogadores como Augusta. Inaugurado em 1924, foi projetado por Gary Player e Reg Taylor.

O longo e sinuoso rio que atravessa o campo é a característica que define e abriga uma impressionante variedade de flora e fauna.

ou

Mbombela Golf Club

O Mbombela Golf Clube está localizado em Nelspruit e foi projetado por Peter Matcovich

O Mbombela Golf Club está localizado em Nelspruit, no fértil vale do rio Crocodile, no quente e úmido Lowveld. É considerado um dos melhores campos da região. Inaugurado em 1928 como um campo de 9 buracos, expandido para 18 buracos em 1967 e redesenhado em 1998 pelo famoso arquiteto de campos de golfe Peter Matkovich. O campo parkland com seus fairways cria uma superfície esteticamente agradável durante todo o jogo.

Com apenas árvores nativas no campo de golfe, que abrigam mais de 250 espécies diferentes de pássaros.

Mapa do roteiro de Rovos Rail Africa Collage com campos de golfe
Download do programa e mais informações do Rovos Rail Golf African Collage
Solicite mais informações do ÁFRICA DO SUL – Rovos Rail Golf African Collage